Dermatologista

O que é Dermatologia?

Dermatologia é a especialidade médica que se preocupa com o diagnóstico e tratamento de enfermidades relacionadas a pele e aos anexos cutâneos de adultos, crianças e idosos.

A dermatologia envolve, sem limitação, estudo, pesquisa e diagnóstico de condições normais e de distúrbios, doenças, cânceres, condições cosméticas e de envelhecimento da pele, gordura, cabelo, unha e membranas orais e genitais, e seu manejo por diferentes investigações e terapias, incluindo, entre outras, dermato-histopatológico, medicamentos tópicos e sistêmicos, cirurgia dermatológica e cirurgia estética dermatológica, imunoterapia, fototerapia, terapia a laser, radioterapia e terapia fotodinâmica.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia é a única sociedade médica reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Médica Brasileira (AMB), sendo, portanto, a representante oficial dos Dermatologistas no país.

Um dermatologista pode aconselhá-lo sobre a melhor maneira de limpar, tratar e proteger a pele mista, oleosa ou seca.

Quem é o médico dermatologista?

O dermatologista é um profissional especializado no diagnóstico, tratamento e prevenção de enfermidades da pele. Além, de orientar sobre os cuidados gerais, solucionar problemas estéticos e cuidar da manutenção da beleza da pele. Existem mais de 3.000 doenças dermatológicas que afetam a pele de crianças, adultos e idosos em todo o mundo.

Dentre as enfermidades tratadas pelos dermatologistas estão: acne (espinhas), alergias, vitiligo, psoríase, queda de cabelos, hanseníase (lepra) e câncer da pele, dentre outras.

Os profissionais em dermatologia também são habilitados para tratar de doenças nas mucosas, como: afecções na boca, lábios, gengiva, língua e também na área genital. Neste caso enquadram-se as doenças sexualmente transmissíveis (DST) ou doenças venéreas.

No Brasil, a entidade que, oficialmente, representa a Dermatologia é a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Ela concentra em seu grupo de sócios as categorias de associados titulares, afiliados, contribuintes, colaboradores, correspondentes, honorários, beneméritos e sócios aspirantes.

Para se tornar associado titular, o sócio deverá ser aprovado na prova de Título de Especialista da SBD com a AMB. O título de especialista em Dermatologia é certificado pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).

O que é preciso para se tornar um dermatologista?

O dermatologista, ou o médico especializado em Dermatologia, tem uma formação ampla e diversificada. Além dos anos de graduação em Medicina, ele cursa um período de residência ou especialização na área com aprovação em Exame de Título de Especialista em Dermatologia da Associação Médica Brasileira (AMB) com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Além disso, somente os médicos que concluíram a residência médica e os que foram aprovados no exame de título de especialista podem solicitar o Registro de Qualificação de Especialista (RQE). Trata-se de um registro que comprova que ele se especializou em determinado assunto. Com o registro poderá identificar-se como um médico especialista na área.

Infelizmente, nem todos os profissionais que se anunciam como dermatologistas são, de fato, especialistas no tema. Existem cursos de pós-graduação lato sensu realizados aos finais de semana, com apenas 360 horas, ou seja, 4% do tempo de estudo do dermatologista. Esta modalidade é reconhecida pelo MEC (Ministério de Educação) para fins pedagógicos; mas não para formação de especialista.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) destaca em seus informativos aos médicos e à população que esses cursos de pós-graduação lato sensu, ainda que reconhecidos pelo MEC, têm somente valor acadêmico. Não podem ser usados para a atividade profissional e não habilitam o médico a anunciar-se como especialista. Médicos que não possuem RQE não podem se intitular especialistas.